Embora parte dos salários dos servidores públicos do Estado do Rio ter sido paga nesta semana, o governo ainda está longe de dar uma solução à sua crise econômica. Conseguiram pagar o 13º salário de 2016 e o último mês de outubro, mas ainda ficará para 2018 os salários restantes deste ano. Mesmo com o empréstimo de R$ 2 bilhões não há nenhuma sinalização no sentido de soluções estruturais e duradouras para a atual crise, pelo contrário os juros aumentarão ainda mais as dívidas e as que estão por vir.

A Assemperj participou do ato do MUSPE na última quarta-feira (20), no Palácio Guanabara, para pressionar o governo a realizar os pagamentos. A reunião com o governador foi cancelada.

Deixe um Comentário